Trago o arco-iris

Se me convidares, verás que vale a pena

Se consentires, devolverei lealdade

Se deixares, ajudar-te-ei em teu problema

Se me permitires, sentirás saudade

*

Dá-me a chance e dá-me o tempo

Dá-me confiança e revelarei meu desejo

De ser-lhe em serventia a zero preço

E, no coração, a certeza do teu apreço

*

Se para mim a porta abrires

Verás, comigo trago o arco-iris

Certamente sereis feliz

Por tudo que descobrires

*

Jeanne Moura.

Anúncios

Um comentário sobre “Trago o arco-iris

  1. E te aceito e vejo que valeu a pena
    De lealdade se construiu amizade
    Problema? Só quando a alma anda só e é pequena
    E por te permitir agora só saudade
    *
    Dois anos e outros encontros
    E te conhecia pelo olhar
    E me conhecia pelo falar
    E no coração: respeito, admiração e gratidão
    *
    As portas sempre estarão abertas
    E os arco-íris que me trouxe estão sempre a mesma lembrar …
    Depois da chuva algo belo no céu hei de achar

    Helliny Moura.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s